sábado, 21 de março de 2009

JoikuSpot - Transforme seu Nokia em um hotspot WIFI

Se você tem um aparelho com Wi-Fi (e um plano de dados com tráfego ilimitado) uma forma alternativa de compartilhar a conexão é transformar seu smartphone em um hotspot wireless, compartilhando a conexão via NAT, assim como em um PC com duas placas de rede. A rede 3G passa então a ser a interface da Internet e a rede Wi-Fi a interface de rede local, permitindo a conexão dos micros PC. Se você tiver um carregador em mãos, pode deixar o smartphone ligado por horas a fio, servindo como um verdadeiro roteador 3G.

Para os aparelhos baseados no S60, a melhor opção é o JoikuSpot Light, que está disponível no http://www.joikuspot.com/.

O uso não poderia ser mais simples. Ao ser aberto, ele confirma a conexão de internet que será usada, exibe o alerta de praxe com relação ao uso do tráfego de dados e a partir daí fica disponível para a conexão dos clientes, exibindo um monitor de status, através do qual você pode monitorar o volume de pacotes transmitidos e os clientes conectados:

Assim que o hotspot é ativado, ele imediatamente aparece entre as redes disponíveis para os PCs próximos, com um nome escolhido aleatoriamente pelo programa:

Por default, a rede fica completamente aberta, permitindo que os PCs se conectem da forma mais simples possível, com direito a DHCP (fornecendo endereços dentro da faixa 192.168.2.x) e tudo mais. Essa é uma forma muito prática de criar um hotspot wireless em eventos ou em qualquer lugar onde você queira disponibilizar uma rede para os amigos de forma prática mas, naturalmente, não é a melhor opção se você quer privacidade.

Nas configurações, você encontra a opção de ativar a encriptação via WEP, que embora não seja muito segura, é melhor do que nada. Use o WEP de 128 bits em modo WEP Open e com chave ASCII, que é o mais compatível. Você pode também definir um canal preferencial, de forma a evitar os canais já usados por outras redes próximas:

Mesmo usando uma chave de 128 bits, o WEP é relativamente fácil de quebrar. Uma dica para reduzir a exposição do seu aparelho em situações onde a rede vai ser acessada apenas por você (e presumindo que você vai deixar o smartphone próximo ao notebook) é reduzir a potência do transmissor Wi-Fi no "Configs. > Conexão > LAN sem fio". Acesse o "Menu > Configs. avançadas" e ajuste a opção "Nível de energia TX com o menor valor". Com isso, você reduz o alcance da rede, reduzindo o problema:

Se você estiver com o carregador por porto, aproveite para desativar a economia de energia para a interface Wi-Fi, no mesmo menu. Isso aumenta bastante o consumo elétrico, mas em troca melhora bastante a velocidade e a latência do acesso, evitando que o smartphone fique continuamente ativando e desativando a interface de rede.

Usando o JoikuSpot você vai logo perceber que ele permite apenas o acesso a HTTP e HTTPS, deixando de fora aplicativos que utilizam outros protocolos, daí o "Light" no nome. No mesmo site está disponível também o JoikuSpot Premium, que é a versão "completa" do programa, com todas as portas liberadas e alguns recursos adicionais, como a conexão com VPNs. Ele custa 15 Euros, mas acaba sendo uma boa aquisição se você realmente gostou do recurso.

Para quem usa o Windows Mobile, existe o WMWifirouter, disponível no http://www.wmwifirouter.com/. Embora seja desenvolvido por outra empresa, ele funciona de forma muito similar, também oferecendo encriptação via WEP. Ele custa 19 euros, com um trial de 21 dias.


Nenhum comentário:

Postar um comentário